Archive for the ‘ Vida ’ Category

Mas que droga…

Como comentei em um post passado, a lei de Murphy se aplica perfeitamente na minha vida.

"Se alguma coisa pode dar errado, dará"

Vou relatar uma experiência própia dos meus 11 anos. Estava eu me divertindo com meu Playstation 2. Estava jogando Gran Turismo 4. Naquela época eu tinha a mania de mexer conforme o jogo. Tempos depois a apelidei-a de “Síndrome de Kinect”. Me mexia compulsivamente. A sensação de pilotar um esportivo era incrível! Não era um movimento resumido com as mãos como no Real Racing, era com o corpo inteiro.

Eu estava serelepe, na última volta. Fiquei de pé. Últimos segundos. Comecei a puxar o controle. O controle estava preso. PRESO!!! Puxei com mais força. Muito mais força. MUITO MAIS FORÇA! O controle estava preso. Dei um “Shoryuken” no controle.

Descrição do movimento realizado

O Playstation voou pelos ares. A parte de baixo do “móvel Casas Bahia” onde o Playstation se encontrava voou junto. A TV deu um pulo e quase voou para o chão. Eu olhei para aquilo. Olhai pro play 2 no chão. Olhei para os controles no chão. E o pior: olhei pra tela da TV, com uma frase do jogo estampada na tela: “You’re the 2nd place! Congratulations!” Olhei para cara da minha mãe boquiaberta. (assim, ó :O) Olhei pra cara do meu padrasto que estava assim:

Expressão do meu padastro...

Olhei para toda essa confusão e sussurei:

Mas que droga…

Quando tudo dá errado…

Tô meio sem postar já faz um tempo… E resolvi contar a vocês os motivos.

Tudo começou na terça feira passada (01/12/2010). Minha mãe resolveu viajar para São Paulo. Provavelmente voltaria na Sexta. Eu teria que ficar com meu padastro (A.K.A. o Otário). Passei a noite bem, lendo Creepy Pastas e me borrando de medo.
No dia seguinte meu padrasto saiu bem cedo pra trabalhar. Acordei um pouco mais tarde, e fui brincar com meus irmãos (Livia e Danilo). Na hora do almoço meu “querido” padrasto trás uma bela surpresa para meus irmãos, mal sabia ele que tinha trazido um Serial-Killer pra dentro de casa.

Baconzitos

Foto do Suspeito

Ele havia trazido um Baconzitos tamanho família para apreciação dos meus irmãos. Minha irmã se empanturrou com o conteúdo do saquinho.
A tarde, minha irmã começou a se encher de pintinhas.
De início meu padrasto deduziu que fossem picadas de mosquito, típicas aqui. Mas eu reparei que as pintinhas também estavam em suas costas, mesmo com ela usando uma camiseta.
No dia seguinte ela acordou REALMENTE mal. As pintinhas se triplicaram e ela se coçava compulsivamente. Ela foi ao médico e recebemos a notícia que não era algo grave, mas ela teria que ficar internada. A imagem que veio à minha cabeça com internação foi essa:

O que me veio a cabeça naquele momento

Minha irmã ficou internada por dois dias. Algo bem leve, comparado com o quê eu pensei.
Motivo explicado, agora sem reclamações!

%d blogueiros gostam disto: